Home » » Quando voltares...

Quando voltares...


































Quando voltares ao meu corpo,
não tragas somente pele,
arrasta contigo a tua alma,
o teu desejo mais fiel...
ama-me como se me odiasses,
com o ímpeto da vingança,
perfura as minhas entranhas,
com o jubilo da tua pujança ...
Quero ver nos teus olhos,
teus caminhos proibidos,
enquanto castigas-me a carne,
e maltratas os meus sentidos...
Solta-me palavras de ordem,
que só a paixão as conhece,
comanda assim as vontades,
do meu corpo que não te esquece...
Que a raiva do Amor,
não se ausente do teu rosto,
mas que o teu coração sinta,
exactamente o oposto...


*** Ártemis ***
  

 
Support : Copyright © 2015. fragmente dinviata - All Rights Reserved